Header Ads

Livro infantil quebra estereótipos de gênero

Obra da autora e ilustradora Janaina Tokitaka conta a história de dois coelhinhos que não se importam com 'o que é para menino ou para menina'. O mais importante para eles é a liberdade para se divertir

Era uma vez dois coelhinhos. Um usava uma saia, batom e sapatinho de salto. Outro, botas, calça e gravata. Um era um menino e outro era uma menina. Mas quem era menino e quem era menina? A resposta não é – ou não deveria ser! – óbvia. É o que mostra o livro que acaba de ser publicado pela Coleção Boitatá (Boitempo Editorial), Pode Pegar!, da escritora e ilustradora paulistana Janaina Tokitaka.

Supercolorida e leve, a obra aborda de forma sutil e encantadora os costumes culturais relacionados à identidade de gênero. O livro é voltado para crianças em fase de alfabetização e tem como protagonistas um coelhinho e uma coelhinha que não veem problema em trocar de roupa um com o outro já que a menina pode querer usar botas pra atravessar um riacho, um menino pode usar salto se quiser ou precisar ficar mais alto e todos podem usar calças para saltar pelas montanhas…


Com pouquíssimo texto, Janaina brinca com o tema, desconstroi os estereótipos de gênero e deixa no ar a pergunta: o que faz uma roupa ser “de menino” ou “de menina”? Para a autora, tratar de forma livre sobre as diferentes possibilidades que uma pessoa deve ter é fundamental para o desenvolvimento das crianças. “Acredito que os livros infantis possuem um papel muito importante na formação da identidade das crianças”, afirma Janaina

“Representatividade importa muito em qualquer fase da vida, mas na infância, esse momento construtivo e delicado, importa muito mais. É essencial que os livros libertem, apontem possibilidades para além das estabelecidas, como os estereótipos de gênero. Pode Pegar! diz que você têm direito de se apresentar como bem entender e para não ligar para quem diz o contrário. Escrevi esse livro com a esperança de que as crianças de hoje se tornem adultos mais livres, leves e felizes,”

A autora e ilustradora iniciou a carreira de escritora em 2010, aos 24 anos, e desde seu primeiro álbum ilustrado, Tem Um Monstro no Meu Jardim (Escrita Fina), publicou 40 outras obras para o público infantil e juvenil. Pode Pegar! já está à venda nas livrarias e no site da Boitempo Editorial, responsável pela Coleção Boitatá, selo infantil que tem o objetivo de promover reflexões sobre temas como política e de cidadania para crianças.

(Por Xandra Stefanel, especial para RBA)

INFORME: Independente, o Comunica Tudo é mantido por uma única pessoa, com colaborações eventuais. Apoie este projeto: clique nas publicidades ou contribua.

Nenhum comentário

Faça seu comentário abaixo. Obrigado.

Imagens de tema por hdoddema. Tecnologia do Blogger.